A poesia me encontrou. Encontrei-me na poesia! Concedo-lha portentosas asas para alçar longínquos voos e disseminar sonhos nos corações cúmplices e sensíveis. Que ela logre fabulosos rasantes em vastos mundos prenhes de luz e encontre, por fim, felizes e aconchegantes moradas em almas renovadas.

Simone Moura e Mendes

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Edição Comemorativa de 1 ano do Projeto Justiça à Poesia

Marta Angélica declamando "O Feto",de Emanoel Fay, sob o som de Chiquinho
Chico de Assis interpretando "Nega Fulô", de Jorge de Lima

Alberto Mirindiba, Ricardo Lopes, Fabinho (da Banda Time Machine) e Marcos Farias


Dra. Alda de Araújo Barros concedendo seu autógrafo no Livro Justiça à Poesia ao ator alagoano Chico de Assis


Essa turma garante o sucesso do Projeto "Justiça à Poesia"





Fotos: Max Balduíno


O Projeto Justiça à Poesia, na data em que realiza a edição comemorativa de 1 ano de existência, é apresentado como uma das boas práticas do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região, no I Encontro Norte-Nordeste dos TRT's. Sua importância é reconhecida na Carta de Maceió, conforme se pode conferir em http://www.trt19.jus.br/misc/pdfs/carta_maceio_set11.pdf

Um comentário: